Clube da Menô

A minha vida só é possível incrementada!

Textos


Bom dia, meu amor

Li seu bilhete dizendo que me amava e, especialmente hoje, eu me emocionei, mais do que das outras vezes, a ponto de sentir duas lagriminhas molharem os cantos dos meus olhos.

É como se eu voltasse 30 anos atrás, quando eu só via amor e beleza por todos os lados que olhava.

Eu agradeço a Deus por Ele ter me presenteado a essa altura da vida com este amor tão simples, tão meigo e tão intenso que surgiu no meu coração.

Quero que saiba que tudo que você está sentindo é o mesmo que eu sinto. Mesmo que tenhamos defeitinhos e pequenas incompatibilidades momentâneas, nada disso supera o que construímos ao longo de nossa relação e que agora podemos viver sem medos, sem restrições, sem pudores, sem artifícios.

Somente quem já viveu, sofreu e superou; somente quem vê o mundo com os olhos da alma; somente quem valoriza o bem pode entender o que aconteceu conosco.
 
Quero estar sempre ao seu lado em todas as horas, tristes e felizes, e poder dizer: "Bom dia, meu amor!".

Uma homenagem do Clube da Dona Menô a quem acredita que o sol pode nascer no entardecer de suas vidas.

Assista ao PPS:
http://www.recantodasletras.com.br/e-livros/1454348
Vídeo no Youtube:
https://www.youtube.com/watch?v=iABBbcSVDYc

http://www.clubedadonameno.com





 
Leila Marinho Lage
Enviado por Leila Marinho Lage em 04/09/2009
Alterado em 04/11/2014


Comentários



Site do Escritor criado por Recanto das Letras