Clube da Menô

A minha vida só é possível incrementada!

Textos

PRA QUE 15 MINUTOS DE FAMA?

A não ser que expludam uma bomba no Senado, o impedimento de exercício da atual Presidente do Brasil está sacramentado.

É certo que isto nada mudará na nossa vida socioeconômica atual - até porque quem toma o poder tem rabo preso, mas, pelo menos, honramos a JUSTIÇA E A CONSTITUIÇÃO nas bases mais rudimentares, a despeito das artimanhas imbecis dos safados que estão no poder, tentando driblar ridiculamente o imprescindível.

Devemos entender que se o País chegou aonde está foi pela ignorância e pela displicência de sociedades que nunca valorizaram estudo e cultura. A anticultura, incrustada pelos espertos que até hoje reinam, levou o povo brasileiro a aceitar pessoas que agora estão sendo desmascaradas, mas já mamaram bastante nas tetas da nossa renda, de cada um de nós. 

 
E somos todos culpados! Aprendemos hoje que não devíamos deixar a nossa retaguarda exposta aos políticos, enquanto a gente curtia samba, sol, futebol e cerveja. 

O futuro presidente que vai assumir é outra craca em nossos navios. Precisamos entender de uma vez por todas que não podemos deixar as nossas vidas nas mãos de um presidente ou em partidos políticos. É preciso que ajustemos nossas necessidades e que nos organizemos pra cobrar aquilo que precisamos dessa gente que nos representa.

E DEVEMOS DENUNCIAR! DEVEMOS PROTESTAR. DEVEMOS REIVINDICAR (PACIFICAMENTE, MAS ETERNAMENTE) TUDO QUE ESTÁ ESCRITO NAS LEIS DEMOCRÁTICAS.

Hoje cada político que demora com esta tortura dos 15 minutos de fala, está achando que é original. Bastaria dizer meia dúzia de palavras e economizar nosso tempo!

Gente, Dilma está fora e um outro sujeito entra no lugar. Mais um que devemos tomar cuidado com ele. Mas, poxa, vamos começar a viver, pois o Brasil parou! 

Geralmente o Brasil só começa a funcionar depois do Carnaval. Foram inventar Olimpíadas aqui, o que atrapalha bastante a economia. Depois seriam as eleições, mas antes disto aconteceu a merda o Impeachment - absolutamente necessário pra um país com vergonha na cara. E agora?
 
Sabemos que quem vai governar não tem fórmula mágica. Precisamos é reativar a economia, ativar empregos, rever projetos pro futuro, manter os projetos que mantêm este país (e que estão sem apoio). Precisamos sair da guerra, pois estamos numa. 

Uns 7 ou 8 anos atrás Dilma teve um linfoma em fase inicial, câncer linfático. Parece que se curou. Dois anos atrás Lula se tratou de um câncer na laringe. O senhor Luiz Fernando de Souza, conhecido como Pezão, Governador do Estado do Rio de Janeiro, está em tratamento de um linfoma mais avançado. A doença maligna até o momento detectada em Eduardo Paes, o Prefeito do Rio, é a absurda capacidade de ser tão imbecil. Por que essas pessoas ficam doentes assim? 

Vou dizer: STRESS. É preciso saúde mental, experiência e muito caráter pra encarar um país com as nossas dimensões e com tantas diferenças culturais. Não é GOVERNANTE NENHUM SOZINHO, JUNTO COM UMA CORJA DE SAFADOS APROVEITADORES que vão nos dar luz nos nossos caminhos à frente! Nem pra nós e nem para nossos descendentes! 

Não podemos relaxar a retaguarda daqui pra frente. Isto devia ter sido feito desde a República ser instaurada séculos atrás. Infelizmente só agora nosso País está aprendendo. Espero que continue aprendendo dia a dia e todos os dias. 

As obras para as Olimpíadas não são seguras. A violência tomou conta da cidade e do Estado do Rio, uma vez que tudo depende do tal do Impeachment da "Presidenta". TUDO PAROU, menos o crime ORGANIZADO, que, inclusive, tá lá também infiltrado no GOVERNO FEDERAL. É Máfia. Ao mesmo tempo o País segue produzindo. Os estudiosos continuam cuidando da vida de todos. Profissionais de alto gabarito suam até o máximo de suas energias, como uma lamparina de querosene, pra manter a energia deste GRANDE BRASIL! 

Não é a "PRESIDENTA", nem seu guru e tutor LULA, nem as organizações que gritam que tudo é golpe, que mantêm um pais e milhões de pessoas. Os que salvam este Brasil são os anônimos, pessoas tenazes, pacientes e cultas, profissionais e trabalhadores de todos os dias! São os peões que acordam às 4 da madruga pra construir paredes, são as famílias! 

Um pai de hoje vê sua filha saindo pra balada, encantada com o garanhão da vez. O pai diz: "Cuidado!". A mocinha diz:"Que velho ultrapassado e chato!". 

O velho é um garotão de uns 50 a 60 anos, que deve dar mais prazer a uma mulher do que a sua filha possa imaginar, e que talvez só aprenda o que é sexo depois de muitos desastres íntimos, emocionais ou amorosos... 

O velho passou pela DITADURA; curtiu todos os ícones do rock'n'roll ao vivo; emocionou-se com a TV em cores da mesma forma que aprendeu a usar computador, fazendo programas de alta qualidade. Mas a filha continua achando que ele é um velho babão. Até que um marginal, nascido nas trevas da nossa sociedade, aparece na pista, dá um tiro na cabeça dela, só pra ganhar um troco pra comprar crack.

E quem nos protegeu disto? Aqueles malditos que ganharam milhões na alcunha do Lava Jato? Aqueles em quem votamos? 

Todos nós com direito a votar somos responsáveis por tudo isto. Os mais velhos são diretamente responsáveis pelas desgraças de hoje. O jovens são apenas vítimas, descendentes da displicência social dos seus responsáveis.

Não adianta só alertar com a recomendação de "CUIDADO!". É preciso mobilização social e cultural. É preciso sedimentar tudo o que passamos hoje para unirmos aos valores de cada brasileiro. É preciso CONSCIENTIZAÇÃO em todos os setores, inclusive em cada lar! E EXIGIRMOS NOSSOS DIREITOS ADQUIRIDOS EM CONSTITUIÇÃO! 

Nós temos um País maravilhoso, não só numa natureza diversificada e rica ou em paisagens paradisíacas. Nós temos um povo LINDO, CARINHOSO, SIMPÁTICO, BOM, um povo INVEJADO e que não se encontra em nenhum outro lugar! O que precisamos é entender que não podemos aceitar regime presidencialista e deixarmos nossas vidas à mercê do ranço do imperialismo ou da ditadura que até hoje nos contamina.

Temos muito a fazer a partir do dia 12 de maio de 2016, todos nós, desde os mais novos até os anciãos. Todos que ainda conseguem andar, caminhar, falar, pensar, escrever, lutar e enfrentar!
Leila Marinho Lage
Enviado por Leila Marinho Lage em 12/05/2016
Alterado em 12/05/2016


Comentários



Site do Escritor criado por Recanto das Letras